quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Carlos Paredes em ótima companhia


Fui com Nelinha assistir Carlos Mendes Pereira no CCBB ontem de noite. Carlos é um estudioso de cordas portuguesas, além de exímio tocador de guitarra (portuguesa, de Coimbra) e braguinha. Foi acompanhado por Henrique Cazes (cavaquinho), Luís Barcellos (bandolim), Luis Filipe de Lima (sete cordas) e Beto Cazes (percussão). Quer melhor??
Misturaram choro com fado, Jacob do Bandolim com Carlos Paredes, Língua de Preto com Verdes Anos. Quer melhor??
Jacob bebeu do fado pra chegar ao choro, seu bandolim se assemelhava a uma guitarra portuguesa e seu choro teve influência direta do Tejo. Quando tocaram Vascaíno, cuja abertura lembra um fado corrido, entendemos tudo isso. Quer melhor?
E o Verdes anos de Carlos Paredces, repetido no bis, em começo lento e depois chorado. Fez chorar todo mundo. Quer melhor?
Melhor que tudo isso, só a companhia de Nelinha e um pão com bife num pé sujo do centro no final da festa.

Nenhum comentário:

Joel e o Macuco

Acostumei a chamar de Macuco uma cidadezinha do interior do estado que era meio do caminho entre Miracema e Niterói nos meus tempos ...